terça-feira, 3 de janeiro de 2012

Mar De Esperanças...

terça-feira, 3 de janeiro de 2012
Gostaria de dedicar esse texto a uma pessoa muito querida, que conheci no ultimo ano. Doce, meiga, delicada, cúmplice e muito amiga, Crystal te dedico esse meu escrito, que é o primeiro do ano. Fiquei feliz me senti orgulhoso, apos terminar, e o seu incentivo, e incansáveis visitas neste blog para encontrar algo novo, me deixam imensamente  contente, obrigado por acreditar nas minhas palavras, nos meus escritos!

Imagem-Phil Longson


Nos descompassos dos meus atos, 
é complicado entender o bem que
não me faço, no embaraço me podo.

Não ajo, no entanto quando
estico os braços, por mais
100 passos de você me afasto.

Em um mundo onde é permitido
você viver longe do meu regaço,
injusto, que reduz nos dois em frangalhos.

Neste mundo que me resta, pouco iluminado...

que a todo tempo é intensamente amargo
me sinto como um barco sem remo 
a mercê do vento,  nesse mar de esperança,
sigo meu destino, fraco... fraco... fraco...

Artur César
03/01/2012  22:50

 Imagem - Karl Kwasny


3 comentários:

muriel disse...

Obrigada Artur. Sabe q adoro o que escreve, e que sempre espero mesmo coisas novas.
Sobre o poema.... te entendo bem. O q mais faço na verdade, é me afastar muito mais do que 100 passos.

Jaci Rocha disse...

Que linda homenagem! =)

Anna Amorim disse...

Artur,

Adorei a poesia sonhada. Bela homenagem.

Te convido para ler um texto que postei no PALAVRA DE MULHER, "A difícil arte de namorar um homem que escreve", creio q vai gostar.

Beijos,

Ana

Postar um comentário

 
Essa Parte de Mim... © 2008. Design by Pocket